X

Com apoio de Vilas, Clerc é candidato à presidência da Federação Argentina

Segunda, 12 de março 2018 às 10:31:37 AMT

Link Curto: http://bit.ly/2p3O1Vr

Tênis Profissional

Ex-tenistas de peso da Argentina vão disputar no mês de abril a presidência da Associação Argentina de Tênis, a AAT. José Luis Clerc se lançou candidato com o apoio do seu grande desafeto, Guillermo Vilas.



Clerc confirmou a candidatura em bate-papo com o jornal La Nacíon e explicou a parceria com Vilas que era seu maior rival em quadra e que é o maior argentino de todos os tempos tendo sido número dois do mundo.

Clerc disputará as eleições com Agustin Calleri, outro nome de peso do tênis local um dos tenistas do chamado La Legíon que na década dos 2000 colocou vários entre os 10 e 20 melhores do mundo.

"Guillermo, Guillermo. Quero muito esse louco. E depois de estar afastado por tempos demonstrou que me quer também", disse Clerc que ganhou 25 títulos de ATP, somou duas semis de Roland Garros e que está à beira dos 60 anos de idade contra 66 de Vilas. Clerc é hoje o técnico do jovem Sebastian Baez que hoje passou a ser o número 1 do mundo juvenil.

"O que quero é a união, estou há muito tempo, 50 anos no tênis. O mais importante são os clubes e federações. Nunca pensei ser presidente, mas a vida me levou para este caminho e me impactou. Estou motivado, contente e ninguém me para", disse Clerc que comentou sobre a disputa contra a chapa de La Legíon.

"Conheço todos eles, Agustin Calleri, Gaston Gaudio, tenho uma relação espetacular com Juan Ignacio Chela. Não misturo as coisas, não vou confrontar. Se eu ganhar serei o primeiro a chamá-los. Não é algo político. Amamos o tênis", disse Clerc que promete contratar para a AAT um diretor de marketing e membros da econômia paras ajudar a gerir a Federação.

Clerc afirma que não vai cobrar nada da AAT, não vai receber salário, e somente o gerente geral será pago, o resto trabalhará sem ganhar.

Sobre Vilas ele seguiu: "Quando liguei pro Vilas dizendo querer ser o presidente falei que queria nomeá-lo como o Embaixador do Tênis Argentino e ele respondeu com um 'Obrigado, será uma honra'. Firmaremos uma parceria com sua academia em Mallorca, na Espanha, faremos parcerias com Associações. Quero voltar na época de Vilas e Clerc onde as pessoas jogavam até nas ruas."

Durante a entrevista Clecar mostrou um vídeo de Vilas dizendo 'Sabes que estou ao teu lado porque ? Estivemos sempre juntos e espero que seja uma realidade'. "Quando comentei minha ideia Vilas nem titubeou e me deu apoio. Vilas e Clerc estão unidos. Além disso devemos tudo a Vilas".
Sobre a Davis, Clerc afirmou que se ganhar manterá Daniel Orsanic como capitão e cuidando dos jovens no Departamento de Desenvolvimento.

Ao ser perguntado se teria conversado com os jogadores locais, Clerc afirmou que ainda não, apenas quando tivesse a chance de ganhar: "Vou sentar e perguntar o que eles precisam, o que falta ? o que temos ? Todos terão as portas abertas".