X

A Nova cara da CBT

Quarta, 10 de janeiro 2018 às 15:12:41 AMT

Link Curto: http://bit.ly/2mhJ3Cq

Tênis Profissional

Por Leandro Afini - Chegamos ao início de 2018 e todas as atenções se voltam para os preparativos dos atletas, equipes e entidades para esse ano. O que mais tem chamado a atenção nas últimas semanas são os novos projetos da Confederação Brasileira de Tênis.



Continuando um processo de reestruturação, iniciado em 2017, e encabeçado pelo Presidente Rafael Westrupp e pelo Gerente Esportivo e de Eventos, Eduardo Frick, a CBT vem mostrando uma grande capacidade de gerir com eficiência o tênis de competição.

No início do mês de Dezembro, reuniu os melhores atletas e técnicos do país para uma semana de imersão e troca de informações, em sua sede em Florianópolis. Além disso, também contou com a presença de Guga e Fernando Meligeni, que conversaram e passaram um pouco de sua experiência aos jovens atletas e técnicos que lá estavam. Essa inciativa inovadora, serviu para unir todos aqueles que, de alguma maneira, fazem parte e ajudam a levar o tênis brasileiro. Novas ideias e, principalmente, trocas de informações saíram dali, e com certeza veremos os resultados positivos nos próximos meses.

Outra iniciativa que também chamou a atenção, foi a parceria com a BTT Academy, na Espanha. Ter uma base de apoio para os atletas brasileiros que estão na Europa, sempre foi uma solicitação de técnicos e jogadores que viajam aos circuitos ITF, ATP e WTA. Em função da distância e também dos custos envolvidos, as giras de torneios na Europa sempre são de, no mínimo, 6 a 8 semanas e portanto, ter uma base para treino durante esse período se torna uma grande novidade. Com certeza será levada em consideração pelos técnicos brasileiros, no momento de preparação dos calendários de 2018. Estive na BTT em 2017 e posso atestar que o Centro de Treinamento possui toda a infraestrutura necessária aos nossos atletas que estiverem em torneios na Europa.

Além disso, a parceria prevê a permanência full time de alguns atletas que receberão apoio da CBT durante o período que lá estiverem. Orlando Luz e Felipe Meligeni serão os primeiros atletas que terão essa excelente oportunidade de treinar e morar em um grande Centro de Treinamento espanhol. Lá eles serão acompanhados pelos técnicos Léo Azevedo, Francis Roig e Jordi Vilaró, e utilizarão toda a estrutura do Centro de Treinamento. Uma bela sacada da CBT!

Outro ponto a se destacar é a parceira da CBT com a CBC (Confederação Brasileira de Clubes, para os torneios infanto-juvenis nacionais em 2018. Nesse ano, todos os atletas que estiverem vinculados a algum clube que seja filiado ao CBC, terão as despesas com passagens e hospedagens pagas pelo CBC nas 6 etapas que acontecerão em 2018. Além disso, a cada 6 atletas vinculados ao clube, o CBC também irá pagar as despesas do técnico que os acompanha.

Ações como as descritas acima deixam todos os envolvidos no tênis nacional animados e de olho no que ainda vem por aí. É muito provável que os ótimos resultados alcançados pelos atletas juvenis e de transição nos últimos anos sejam superados nos próximos 5 a 10 anos, e esses resultados serão fruto dos trabalhos dos técnicos e equipes desses atletas e também de ações da CBT com essas que temos presenciado nos últimos meses.

 

Sobre Leandro Afini

 

Leandro Afini é coordenador da Afini Tennis, equipe de alto rendimento voltada a jogadores juvenis e profissionais, conta com o apoio da Associação Esportiva São José e apoio da Lei de Incentivo ao Esporte da Prefeitura de São José dos Campos (SP), que atende os atletas da equipe, além do patrocínio da HEAD. A equipe possui oito anos de existência e trabalha com mais de 30 atletas, e conta com a estrutura de onze quadras de saibro, além de uma equipe técnica de dez profissionais, entre treinadores de quadra, psicólogo, fisioterapeuta, yoga e agenciamento/gerenciamento da carreira dos atletas que integram a equipe.